Enfermarias clínicas e cirúrgicas

O Hospital Estadual Serrana (HE Serrana) possui 62 leitos de enfermaria destinados a internações de clínica médica e cirurgia. Eles estão distribuídos em 28 leitos na enfermaria situada no 1º andar e 34 leitos na enfermaria do 3º andar.

Os quartos possuem 2 leitos cada, exceto 4 quartos de isolamentos que possuem 1 leito cada e pressão negativa. 

Nós internamos pacientes acima de 18 para compensação clínica e também pacientes em cuidados paliativos. As internações clínicas se dão pelo sistema de regulação do Estado de São Paulo, denominado CROSS, ou seja, os pacientes são atendidos em outras Unidades de Saúde e, se necessário, são regulados para o HE Serrana pela CROSS.

O HE Serrana não possui pronto atendimento, portanto os pacientes não são admitidos diretamente no Hospital.

internacao-farmacia-clinica (3)
internacao-farmacia-clinica (2)
internacao-farmacia-clinica (1)

Nossas especialidades cirúrgicas são gastrocirurgia, proctologia, cirurgia vascular, cirurgia de cabeça e pescoço e ortopedia (mão e joelho), sendo realizadas cirurgias de média complexidade em caráter de Hospital-Dia e também cirurgias que necessitam de internação pré e pós-operatória. Além das cirurgias, faz parte das atividades do setor o preparo dos pacientes que farão colonoscopia (esse preparo sempre se inicia no período da manhã).

As internações cirúrgicas são realizadas mediante avaliação prévia dos pacientes pelas equipes cirúrgica e anestésica do HE Serrana.

Para que isso ocorra, os municípios do DRS XIII devem agendar uma consulta ambulatorial no HE Serrana no sistema CROSS, de acordo com as especialidades ofertadas.

O HE Serrana não possui pronto atendimento, portanto não realiza cirurgias de urgência ou emergência.

Nossa equipe assistencial é composta por médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, assistentes sociais, psicólogos, nutricionistas, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais e farmacêuticos, que se revezam nas duas enfermarias.

Todos os dias às 9 horas é feito o safety-handle (reuniões rápidas de segurança), onde toda  equipe multiprofissional participa e são pontuados os riscos e necessidades de cada paciente internado, bem como são avaliados os pacientes em condições de alta.